Praias em Fortaleza

Férias, praia, sol, calor, mar, viagem, amor, família e FORTALEZA – CE!

Que lugar maravilhoso, de sol forte, ventinho no rosto, pessoas simpáticas, sotaque manhoso, e muita diversão para oferecer!

O convite para viajar veio da minha mãe, compramos um pacote pelo Hotel Urbano e daí foi só alegria durante alguns dias. Tudo incrível, as praias são lindas, sol intenso o dia todo, muito artesanato feito de amor, as falésias e suas areias coloridas, o intenso passeio de buggy pelas dunas, banho na lagoa de Uruaú, o milagre de acordar cedo todos os dias, boas lembranças e vontade de quero mais!

Hotel Vela e Mar Fortaleza CE

Todos os dias a gente acordava cedo, muito cedo, com o sol se exibindo na janela e as marteladas dos pescadores batendo em frente ao Hotel Vela e Mar na praia de Mucuripe. Lá não tem horário de verão, escurece rápido e as 5 da matina o dia já tá brilhando!

Praia do Futuro - Fortaleza CE

A Praia do Futuro tem uma energia própria, mar agitado e pronto para o mergulho, a água de coco é doce e muito barata e os coqueiros na areia formam uma paisagem ímpar.

Vendedor ambulante na praia do futuro

Cearenses de todas as tribos vendendo muita coisa na praia! Fruta, camarão, rede, artesanato, serviço de massagem, castanha, passeios, óleo de coco, protetor solar, biquíni, viagra e por aí vai! Essa figura disfarçada de Bob Marley ali, tinha até um gatinho preto na mochila, mas este acho que ele não tava vendendo…

Falésias Morro Branco CearáO passeio de buggy pelas dunas começou em Morro Branco, passou pela Lagoa de Uruaú e Praia das Fontes foi o mais divertido de todos! Solzão na cabeça, sobe e desce e seguuuura pra não cair porque o Bugueiro pisava fundo!

Canoa Quebrada

Canoa Quebrada é tudo de bom, pena foi passar pouco tempo por lá!

Acho que todo mundo saiu com vontade de voltar pois é super bonito e divertido. Eu amei! Quem sabe um dia?

Como preparar mini abóboras para o dia das bruxas

Imaginar, fantasiar, decorar, preparar, assustar e… GOSTOSURAS OU TRAVESSURAS?

Pra marcar o dia das bruxas deste ano, a minha travessura, ou… gostosura… Foram mini abóboras laranjadas, carameladas, enfeitadas e assustadas!

Mini abóbora

Preparar essas lindezas foi muito fácil! As medidas são todas no olhômetro:

  • Lave bem a casca;
  • Corte a tampa e tire as sementes. (Para isso, pode usar uma colher, mas como ela é pequeninha, é bom passar o dedo no interior e ver se não ficaram sementinhas escondidas por lá);

Mini abóbora

  • Leve para cozinhar com açúcar, água e canela durante uns 10 minutos;
  • Escorra e reserve (com cuidado para não quebrar a pequena);
  • Faça uma calda, dourando açúcar e coloque a abóbora na panela com o interior virado para baixo por mais uns 3 minutos e divirta-se servindo suas mini abóboras doces!

Mini Abóbora para o Halloween

Se quiser mais doce, pode colocar mel dentro, fica uma delícia!

Mini abóboras enfeitadas para o halloween

Só é bom comer logo, antes que de formigas! rsrsrsrs

E pra você, qual vai ser desse Halloween? Conta aí!

Você sabe o que é alumbramento?

Faz bem pouco, eu tava lá, naquela Ilha Encantada, viajando para uma casinha num canto escondido. Feita de poesia, um jardim florido e muito amor!

Conhecia ali pessoas de bem, amantes das palavras e que se reuniam para um labioso curso de criação  em escrita com a Jornalista, escritora e bordadeira: Cris Lisbôa.

go-writers

A situação foi de conhecer, pensar, encantar, envolver e degustar todas as delícias do dia. Foi lá que conheci bem de pertinho, a palavra alumbramento.

Alumbramento para o dicionário nada mais é do que uma inspiração sobrenatural, liberdade. Experiências que passamos e que parecem não ser “deste mundo”. Momentos singulares, impregnados de algo maravilhoso que, de repente, nos toca e encanta. Uma espécie de encantamento faz-nos sentir “estrangeiros” e, ao mesmo tempo, plenamente nós mesmos, totalmente protegidos em algo familiar . Nestes instantes, desembaraçados dos poderes cotidianos, experimentamos uma impressão de extraordinária liberdade. (Dicionário Informal).

E foi mais ou menos nessa vibe, que ela, a Cris, nos fez refletir um único momento de nossas minúsculas e insignificantes vidas, onde estivemos frente a frente ao alumbramento guardado em nossas memórias! Logo de cara, ele saltou no meu pensamento, fez um nó na garganta, deu uma voltinha no interior, mas saiu, e foi mais ou menos assim:

Fulano de tal tem parafusos a menos na cabeça! É, eu sei. Vocês já devem ter ouvido algo assim algum dia. Pois é, diferente disso, a criatura aqui (no caso, eu) tem parafusos a mais! E o meu alumbramento se deu, a partir do momento em que fui diagnosticada com um tumor na cabeça e precisei passar por uma cirurgia punk para garantir que essa doce vida continuaria. E quando digo cirurgia punk, é porque foi punk mesmo! (Tem um pouquinho dessa história aqui.) Além de novos parafusos que apertam esse coco, na época fiquei com sequelas temporárias que poderiam levar um bom tempo para eu voltar a “vida normal”. Tempo tão longo, que poderia ser dois, quatro, seis, até oito meses!

Como no universo nada é por acaso, nesse ínterim, minha melhor amiga iria se casar e eu não poderia faltar, ou simplesmente dizer que não estaria lá, puxando a fila das madrinhas. Eu precisava me recuperar para aquele dia em específico, e foi quando falei para mim mesma: em dois meses vou melhorar, em meses estarei bem, em dois meses serei normal! A partir daí foi muita fisioterapia, acupuntura e vontade, daquelas que vem de dentro, mais forte que nosso corpo, de voltar a ser eu, a andar e sorrir normalmente. E para minha surpresa, faltando um dia para completar o prazo estipulado ouvi doces palavras dizendo que eu já estava de alta da fisioterapia. Nesse momento eu vivi o real significado do meu alumbramento. Cumpri com o prometido, alcancei minha meta e estava pronta para provar os vestidos mais lindos e começar uma vida nova.

Go, writers

E foi mais ou menos assim, meu alumbramento foi dividido com outras tantas estórias profundas que fizeram arrepiar corações ouvintes!

Só amor por este dia, e espero quem sabe, um segundo encontro, uma segunda casa, um segundo desmanual da escrita, um segundo módulo seu, Go, Writters!

<3